Skip to Content

O SAP Inside Track Belo Horizonte 2018 foi o primeiro no estado de Minas Gerais, e todo baseado em experimentação. De início este foi o primeiro que fizemos dentro de um cliente, que nos apoiou, auxiliou na curadoria de conteúdo, e disponibilizou além do auditório, uma sala de treinamento com toda a infraestrutura necessária. Aqui fica um agradecimento ao Eid Haddad  que assumiu a missão de ser o organizador local junto aos patrocinadores. E muito obrigado ao Luis Magaldi, CIO da ArcelorMittal que fez o key note do evento (e entre outras coisas contou que foi consultor SD no início da carreira).

E uma lição que este SAP Inside Track nos mostrou foi a relevância de ter clientes inseridos e participando dos eventos da comunidade: sim existe uma comunidade para clientes que vai além da ASUG. Muitos clientes nos chamaram para agradecer a iniciativa, e nos convidaram para outros eventos em outros estados — considerando que o Brasil tem dimensões continentais, é relevante imaginar o espaço para se explorar e seguir levando a mensagem da comunidade e da SAP dentro do Brasil.

Este é meu oitavo SAP Inside Track, e eu nunca vi tanta participação, quantidade de perguntas e interações entre a plateia e os palestrantes. Interações relevantes, que demonstravam todo o interesse em tudo que acontecia e era apresentado.

E falando em experimentação e interesse, abrimos 35 vagas para um hands on de SAP Build ministrado pela Amanda Protasio, e mais 35 vagas do “Crie seu primeiro aplicativo em UI5” ministrado pelo Fabio Pagoti. As vagas se esgotaram em 1 dia, e considerando os comentários pós evento, saímos com a sensação de que o SAP Inside Track de Belo Horizonte foi simplesmente transformador para um grupo de pessoas que terminaram o dia capacitados e prontos para começar a jogar no campo do UI5 e da prototipagem com BUILD.

As palestras foram um caso à parte, e todos os tópicos foram pautados por inovação. Outra grande conquista para nós foi receber novos palestrantes, que não haviam participado de outros eventos da comunidade mas nos trouxeram tópicos relevantes e muita qualidade para o evento. Glaucio Coutinho apresentou a experiência de uma auto-gestão de acessos utilizando GRC, e Sergio Bonin apresentou os processos de suprimentos com ARIBA. Ter novos palestrantes é sempre muito bom.

Eid Haddad falou detalhadamente sobre o atendimento a IFRS15 com o S/4HANA,

Renan Correa apresentou os cenários de localização Brazil em Cloud.

Karen Rodrigues deu uma aula sobre TDF e Reinf.

Rafael Guimbala trouxe a inovação para uma outra perspectiva,

e o Eduardo Chagas e eu apresentamos o TM 9.5 embedded — e ainda usamos 13 minutos da palestra seguinte.

Utilizei uma forma estatística avançada para saber a quantidade de pessoas no auditório: contando. Quando cheguei em 128 desisti de contar, e ainda faltava outros tantos. Para constar, falando sobre o público: 37% dos presentes eram mulheres 🙂

A PrimeTS foi a patrocinadora do evento e nos proporcionou uma estrutura e suporte local impressionante. Muito obrigado; até isso deu muito certo.

Pensando em objetivos e missão, o #SITBH cumpriu tudo aquilo que buscávamos:

  • Trouxemos novas pessoas na comunidade, que palestraram e replicaram conhecimento de forma muito positiva;
  • Estivemos próximo aos clientes com uma forte e sólida mensagem de inovação;
  • Qualificamos um grupo de pessoas que serão replicadores de tecnologias inovadoras;
  • Reforçamos o conceito de comunidade em uma nova cidade que é um importante polo industrial com muitas empresas usuárias de SAP,
  • Apresentamos oportunidades e soluções para empresas líderes em seus setores, sendo estas siderúrgicas, mineradoras, automotiva e alimentícia.

Sempre que acaba um Inside Track a pergunta é: O que ficou deste evento? E neste caso a resposta foi simples. Ficou uma semente bem plantada de continuidade para os anos seguintes, além de uma comunidade que não apenas seguirá passando a mensagem da SAP, como transformará o “SITBH” de um conjunto de 5 letras para um compromisso com a comunidade.

Criamos um monstro. Agora o SITBH não para mais.

Innovation for thought!

FM

To report this post you need to login first.

5 Comments

You must be Logged on to comment or reply to a post.

  1. Renan Correa

    A comunidade SAP de BH mostrou força e com certeza esse SITBH vai ter que entrar pra agenda anual dos SITBR!

    O evento foi muito bom tanto de infra, como conteúdo e participação da comunidade!

    (1) 
  2. Eid Haddad

    Primeiro SAP SIT em BH marcou como um evento importante graças à presença de excelentes palestrantes e a expressiva participação da comunidade SAP.

    Obrigado a todos e fica a expectativa para o próximo ano (2019).

    (0) 
  3. Valdir Mendes

    Realmente foi muito bom pode participar de um SIT “dentro de casa”. Comunidade de BH, esse evento tem que entrar para o calendário oficial.

    Muito obrigado à todos os palestrantes.

    (0) 

Leave a Reply