Skip to Content

Olá, pessoal!

Como alguns de vocês já devem saber, nosso time está desenvolvendo a versão para a nuvem do nosso produto, o SAP Localization Hub, NF-e (SLH – NF-e). Portanto, quem não estava no Localization Summit ou SAP Forum, poderá ter alguns detalhes do que está por vir.

Este é apenas o primeiro de uma série de posts que farei até o momento em que o produto estará disponível no mercado.

Então, vamos começar com uma introdução:

 

O que é o SLH – NF-e?

O SLH – NF-e é uma solução que roda na nuvem e comunica o seu sistema, seja ele o SAP ERP ou o S/4HANA, com os servidores da SEFAZ ou prefeitura (para o caso de NFS-e), enquanto você segue realizando suas tarefas normalmente.

Veja abaixo algumas funcionalidades que estarão disponíveis no SLH – NF-e:

  • Envia seus documentos fiscais para aprovação.
  • Envia solicitações de cancelamento e carta de correção.
  • Emite seus documentos fiscais em modo de contingência (SVC).
  • Retorna resposta da SEFAZ com o status de seus documentos fiscais.
  • Armazena o XML das notas emitidas.
  • Permite que você crie configurações específicas para envio por lote.
  • Utiliza seu certificado digital para estabelecer a comunicação com o governo brasileiro e emitir seus documentos forma segura.
  • Permite que você faça download do XML dos documentos fiscais emitidos.

 

Como ocorre a comunicação?

Como vocês podem ver na imagem abaixo, o SLH – NF-e é desenvolvido no SAP Cloud Platform e é responsável por conectar seu sistema de origem, S/4HANA por exemplo, com a nuvem e, por sua vez, com a SEFAZ.

Sendo assim, de acordo com a ação que você precisa desempenhar, um dos micros serviços é chamado. Por exemplo, caso você precise enviar algum documento fiscal eletrônico para aprovação, será utilizado o micro serviço de NF-e Authorize disponibilizado via REST onde a mensagem é transferida no formato JSON. A partir daí esse micro serviço se responsabiliza pela criação do XML de seu respectivo lote, comunicação com a SEFAZ e armazenamento do XML.

Gostou desse post? Então continue acompanhando as próximas novidades.

Dúvidas? Feedbacks? Deixe um comentário abaixo e, assim que possível, retornarei.

 

Abraço,

Janaína

To report this post you need to login first.

8 Comments

You must be Logged on to comment or reply to a post.

  1. Renan Correa

    Oi Janaina,

    Legal o post, esse é um produto muito aguardado pelo mercado. Fiquei com algumas dúvidas, pode verificá-las?

    1- Essa solução tem alguma relação com o Edocument Framework que a SAP já desenvolveu para documentos eletrônicos em outros países?

    2- Na lista de funcionalidades não vi nada relacionado a automação de entradas, essa funcionalidade também está planejada?

    3- Os cenários de emissão/recebimento de CT-e e MDF-e também estão planejados?

    4- Tem previsão de inclusão dos processo de manifestação do destinatário também?

    5- Pelo que entendi a transferência dos dados do ERP para o SCP será feita com formato JSON, nesse caso as BAdI’s antigas de mapeamento de dados continuarão sendo usadas no ERP ou existirão novas interfaces para mapear os dados para o format JSON?

     

    att,

    Renan Correa

    (3) 
    1. Janaina Ferreira Post author

      Oi Renan,

      Obrigada pelo feedback. Abaixo comentários para tuas perguntas:

      1. A solução não possui uma relação direta, mas faz parte do mesmo grupo de soluções para documentos eletrônicos.
      2. Quando tu diz entradas, imagino que se refira a parte de Incoming Automation, certo? Nesse caso, estão no roadmap de 2018.
      3. Mesma coisa, então no roadmap de 2018.
      4. Sim, também está planejado para 2018.
      5. Toda a parte de mapeamento e BAdI continua funcionando como é hoje, o ponto de comunicação do ERP com o Cloud será apenas no final do processo, no mesmo ponto onde o sistema, hoje, comunica com o GRC.

       

      Espero ter esclarecido tuas dúvidas.

      Abraço,

      Janaína

      (0) 
  2. Jose Nunes

    Olá Janaina,

     

    obrigado por compartilhar. Vi a apresentação do Localization Summit e fiquei muito interessado no produto.

     

    Como vai ser feita a interface entre o ERP e o SCP?

     

    []’s
    JN

    (1) 
    1. Janaina Ferreira Post author

      Olá Jose,

      Muito obrigada pelo feedback.

      A interface entre o ERP e SCP será via REST utilizando um JSON, através de uma nota que será disponibilizada.

      Espero ter esclarecido tua dúvida.

      Abraço,

      Janaína

      (0) 
    1. Janaina Ferreira Post author

      Olá Leandro,

      O GRC continuará existindo e será opção dos clientes SAP migrarem ou não para a nuvem.

      Espero ter esclarecido tua dúvida.

      Abraço,

      Janaína

      (0) 
  3. jose aguilar

    Parabéns pelo post Janaina !

     

    Me parece que será o fim do GRC e do PI ??  Pois o SLH-NFe vai fazer a comunicação do ERP S/4 com a SEfaz e vai criar a xml. É isso mesmo ?? E quanto as entradas ? serão incluidas nesta solução ?

     

    Att;

     

    José Aguilar

    (1) 
    1. Janaina Ferreira Post author

      Olá, José!

      Muito obrigada pelo feedback. Com relação as tuas perguntas, o GRC não deixará de existir, porém o clientes terão a opção de migrar ou não para a solução na nuvem. Sobre as entredas, entendo que tu esteja perguntando sobre a parte de Incoming Automation, certo? Nesse caso temos roadmap para 2018.

      Espero ter esclarecido tuas dúvidas.

      Abraço,

      Janaína

      (0) 

Leave a Reply