Neste post iremos descrever o funcionamento do cockpit de fichas e visualizar de forma geral as funcionalidades disponíveis para manipulação das fichas.
Detalhes a respeito da operação de cada uma das funcionalidades será descrito com detalhes em posts posteriores.
Após a criação das fichas, elas podem ser visualizadas e manipuladas através do cockpit que é acessado a partir da transação CIAP_REPORT.
Através da tela de seleção, existem diversos parâmetros que podem ser utilizados para filtrar a lista de fichas a serem exibidas. Além dos dados organizacionais, o status, alguns parâmetros da ficha, além de dados como nota fiscal, código do imobilizado, dados de projeto e ID da ficha.
Uma vez executada a transação, é exibida uma lista de fichas e disponibilizada uma série de operações possíveis de serem feitas nas fichas através da barra de aplicações:
  • Atualização do ALV – atualiza a lista exibida
  • Exibir detalhe da ficha – exibe a ficha em modo detalhado
  • Exibir tab de contabilização – exibe a tab de detalhes de contabilização da ficha
  • Contabilizar ficha – executa a contabilização de parcelas/baixa pendentes da ficha
  • Transferir ficha – transfere a ficha de imobilizado gerando NF para a planta de destino
  • Baixar ficha – baixa a ficha através de alguns processos (venda, sinistro, manual)
  • Suspender ficha – interrompe o creditamento da ficha
  • Reverter suspensão – reabilita a ficha para creditamento
  • Cancelar ficha – cancela fichas criadas por carga ou pela BAPI
  • Reverter baixa – reverte a baixa da ficha
A lista gerada mostra todos os campos da ficha disponibilizados para que os dados possam ser extraídos, agrupados, sumarizados, etc. utilizando as funcionalidades padrão de uma lista ALV.
Mas é importante salientar que o cockpit não é um mero relatório e sim uma aplicação onde podem ser efetuados diversos processamentos nas fichas de forma manual.
Selecionando uma ficha para visualizar os detalhes, algumas operações adicionais são disponibilizadas na barra de aplicações:

  • Editar ficha – habilita a edição de alguns campos da ficha
  • Baixar ficha – baixa a ficha através de alguns processos (venda, sinistro, manual)
  • Suspender ficha – interrompe o creditamento da ficha
  • Contabilizar ficha – executa a contabilização de parcelas/baixa pendentes da ficha
  • Cancelar ficha – cancela fichas criadas por carga ou pela BAPI
  • Atualizar – atualiza os dados da ficha em exibição
  • Transferir ficha – transfere a ficha de imobilizado gerando NF para a planta de destino
  • Cancelar baixa – cancela fichas criadas por carga ou pela BAPI
  • Simular contabilização – simula a contabilização de parcelas/baixa pendentes ou do período corrente da ficha

Na exibição detalhada da ficha, os dados disponíveis na lista podem ser visualizados de forma agrupada e mais detalhes relacionados a contabilização e movimentação são disponíveis.

Aba Details
  • CIAP Record ID – identificador único da ficha
  • Record Creation Date – data da criação
  • Record Status – status da ficha
  • Company Code – empresa
  • Business Place – local de negócio
  • Plant – planta
  • Created By – usuário que criou a ficha
  • Last Change Date – data da última modificação da ficha
  • Last Changed By – último usuário que modificou a ficha
  • Retirement Date – data da baixa da ficha
  • Quantity – quantidade disponível da ficha
  • Unit of measure – unidade de medida de referência da ficha
  • Acct Assignment Cat. – categoria do item da ordem de compra
  • Record In Transit – indicador de ficha em transito no processo de transferência
  • JVA Record – indicador de ficha JVA (parametrização da view CIAP_C_JVA)
  • Finalized Asset – indicador de imobilizado definitivo, relativo a construção de imobilizado via projeto de PS (Project System) ou CO (Controlling)
  • Investment Stock – indicador de estoque de investimento (categoria de item “Q”)
  • Late Submission – indicador de ficha proveniente de nota fiscal extemporânea
  • Manual Suspension – indicador de ficha suspensa manualmente
  • Postponed DIFAL – indicador de ICMS DIFAL postergado na ficha (proveniente da parametrização CIAP_C_NO_QUO_ST)
  • Immediate Credit – indicador de início do creditamento a partir da aquisição
  • Component Treated as Asset – indicador de componente tratado como imobilizado (status IM, proveniente das parametrizações CIAP_NO_QUO_SP/CIAP_NO_QUO_BP)
  • Stock as Asset – indicador de estoque tratado como imobilizado (status IM, proveniente das parametrizações CIAP_NO_QUO_SP/CIAP_NO_QUO_BP)
  • Record Origin – processo de origem da criação da ficha: carga, BAPI ou integrado via transação MIRO
  • Cred Period Months – limite do período de creditamento (proveniente das parametrizações CIAP_NO_QUO_SP/CIAP_NO_QUO_BP)
  • CIAP Version – indica a versão da solução em que a ficha foi criada
  • Asset – código do imobilizado proveniente do AA (Asset Accounting)
  • Material – código do material proveniente do item da nota fiscal
  • Useful Life Months – vida útil do imobilizado
  • Material usage – código do uso do material (proveniente do item da nota fiscal)
  • Deactivation on – data de desativação do imobilizado (proveniente do cadastro do imobilizado)
  • G/L Account – conta do razão associada ao imobilizado ou ao investimento (projeto de PS ou CO)
  • Main WBS – elemento WBS principal associado a ficha na aquisição de componente vinculado a PS
  • WBS Element – sub elemento WBS associado a ficha na aquisição de componente vinculado a PS
  • Order – ordem de investimento associado a ficha na aquisição de componente vinculado a CO
  • Network – diagrama de rede associado a ficha na aquisição de componente vinculado a PS
Aba Related Documents

  • Nota Fiscal Data – dados da nota fiscal de aquisição
  • CT-e Data – dados do CT-e que originou o valor do ICMS de frete a ser creditado
  • Material Document – documento de material que movimentou a ficha no processo integrado de movimentação de material via transação MIGO
Aba Accounting
  • Goods Value – valor da mercadoria sem impostos (proveniente da NF)
  • Total Value – valor da mercadoria com impostos (proveniente da NF)
  • ICMS Base – valor de base de cálculo do ICMS (proveniente da NF)
  • ICMS Value – valor do ICMS a creditar (proveniente da NF)
  • ST Value – valor do ICMS substituição tributária a creditar (proveniente da NF)
  • DIFAL Value – valor do ICMS DIFAL a creditar (proveniente da NF)
  • Freight Base – valor de base de cálculo do ICMS (proveniente do CT-e)
  • Freight ICMS – valor do ICMS a creditar proveniente do frete (proveniente do CT-e)
  • Freight SubTrib – valor do ICMS substituição tributária a creditar proveniente do frete (proveniente do CT-e)
  • Freight DIFAL – valor do ICMS DIFAL a creditar proveniente do frete (proveniente do CT-e)
  • ICMS Total Val – valor total do ICMS a creditar (ICMS Value + ST Value + DIFAL Value + Freight ICMS + Freight SubTrib + Freight DIFAL)
  • ICMS to Credit – valor do ICMS remanescente a creditar (ICMS Total Val – ICMS not Credited – ICMS Cred Value – ICMS Returned – ICMS Not Allowed)
  • ICMS not Credited – valor do ICMS não creditado
  • ICMS Cred Value – valor do ICMS creditado
  • ICMS Returned – valor do ICMS estornado no processo de devolução
  • ICMS Not Allowed – valor do ICMS não permitido nos processos de baixa
  • Short Term Value – valor do ICMS na conta do razão de curto prazo (soma das 12 próximas parcelas de crédito)
  • Long Term Value – valor do ICMS na conta do razão de longo prazo (total do ICMS menos as 12 próximas parcelas de crédito)
  • Quotas Quantity – quantidade total de parcelas
  • Credited Quotas – quantidade de parcelas creditadas
  • Quotas to Credit – quantidade de parcelas a creditar (Quotas Quantity – Credited Quotas)
  • First Acc. Period – período inicial de creditamento
  • Start of Credit – data de início do creditamento
  • End of Credit – data final de creditamento
Adicionalmentes aos campos relativos aos valores de ICMS associados a ficha, é exibida uma lista demonstrando as parcelas de crédito de ICMS em modo de simulação e também as parcelas já creditadas, bem como os lançamentos de baixa ajustando os valores das parcelas a serem creditadas.
Faremos um post especifico a respeito da contabilização de fichas detalhando o processo de contabilização bem como a exibição dessas informações na ficha.
Aba Operations
  • Allocation – é exibida a lista de movimentações feitas na ficha no que diz respeito a alocação da quantdade total da ficha distribuída em tipos de estoque, como por exemplo, estoque irrestrito ou quantidade alocada em um projeto especifico. Seja a totalidade da ficha ou quantidades parcialmente alocadas.
  • Retirement – é exibida a baixa realizada na ficha, seja parcial ou total e os documentos associados a baixa.
  • Suspension – exibe os dados de suspensão da ficha e caso a suspensão tenha sido desfeita, a informação a respeito do processo é complementada.
Aba EFD Data

  • Asset/Component Code – código individualizado do imobilizado/componente (campo da EFD 0300-COD_IND_BEM)
  • Asset/Component Des – descrição do imobilizado/componente (campo da EFD 0300-DESCR_ITEM)
  • G/L Account Number – conta do razão associada ao imobilizado/componente (campo da EFD 0300-COD_CTA)
  • Quotas Quantity – quantidade total de parcelas da ficha (campo da EFD 0300-NR_PARC)
  • Main Asset Code – código do imobilizado principal associado a ficha de componente – obrigatório apenas para fichas de componentes associados ao imobilizado em contrução (campo da EFD 0300-COD_PRNC)
  • Cost Center Code – código do centro de custos associado ao imobilizado (campo da EFD 0305-COD_CCUS)
  • Cost Center Descr. – descrição do centro de custos (campo da EFD 0600-CCUS)
  • Asset Function – função do imobilizado (campo da EFD 0305-FUNC)
  • Useful Life (Months) – vida útil do imobilizado (campo da EFD 0305-VIDA_UTIL)

Além dos dados de cabeça~ho exibidos nesta aba, é exibida a lista de dados relativos as parcelas de crédito bem como de baixa de ficha que são reportadas no bloco G da EFD, tanto os dados para o registro G125 quanto para o registro G126.
Os dados de cabeçalho exibidos nesta aba podem ser redeterminados no processo de criação de fichas a partir da implementação do método da BAdI BADI_CIAP_EFD-DEFINE_EFD_DATA.

Alexandre Moura
Time de desenvolvimento TDF

To report this post you need to login first.

2 Comments

You must be Logged on to comment or reply to a post.

  1. Anna Pereira

    Alê Moura, boa tarde!

    As informações da descrição do material da transação MM03 e não pela descrição do imobilizado (AS03).

    De acordo com a legislação, entendemos que a descrição individualizada do bem deverá ser detalhada no cadastro do imobilizado e não no cadastro do Material.
    O cadastro da material, pode ser o mesmo para todo bem que possua as mesmas características, descrição e NCM, a individualização do bem, como determinada o manual da EFD, só existe dentro do módulo AA no cadastro do imobilizado.

    È possível utilizar a descrição do bem (modulo AA) utilizando a BADI: BADI_CIAP-MODIFY_RECORD_CREATION?

    Obrigada!
    Anna

    (0) 

Leave a Reply