Skip to Content

Oi Pessoal,

A nota técnica 2015.001 de CT-e trouxe mudanças para o schema do XML de CT-e assim como mudanças nas regras de validações do CT-e. Para se adaptar a esta  alteração temos duas maneiras recomendadas:

1- Implementar a SAP Note 2168179 – Support for CT-e Technical Note 2015.001. Essa nota é válida para empresas rodando os SP’s 18, 29 e 20 do GRC NFe 10.0.

Essa nota traz  mudanças para as ABAP proxies assim como para as regras de validação. A nota é complexa e tem passos manuais e muitos pré-requisitos ( listados abaixo ):

1619713

1633539

1690165

1743421

1776513

1777572

1807430

1820101

1830859

1848634

1882410

1884846

1907106

2077587

Se TODOS os pré-requisitos não foram implementados corretamente antes de implementar a mudança do CTe haverão inconsistências nas proxies alteradas e será necessário esforço manual para ajustar objetos com problemas. O risco de implementar a SAP NOte 2168179 sem ter TODOS os pré-requisitos é muito alto.

2- Implementar o SP21 do GRC NF-e como descrito na SAP Note “2170295 – SAPK-90021INSLLNFE: Support Package 21 for SLL-NFE”

O SP requer mais teste por parte da TI/usuários ( e ajustes em programas Z ) mas é 100% seguro de que os objetos entregues estarão consistentes e além disso trará também as novas funcionalides do GRC.

A lista das novas funcionalidades pode ser encontrada no post abaixo

Support Package 21 para SAP Nota Fiscal 10.0

WORKAROUND para empresas rodando SP’s 16, 17 e 18 e que não conseguem fazer o upgrade agora:

O workaround é possível para aqueles que estão em SP’s muito antigos ( 16 e 17 ) e não conseguem implementar um SP mais alto a tempo. Nesse caso é necessário considerar que o workaround não inclui o escopo completo da NT 2015.001 para CT-e, a solução somente adapta o código para que não seja gerado erro na proxy ABAP por causa do campo forpag.

Para implementar essa solução será necessário instalar uma nota piloto, e para ter acesso a essa nota é preciso abrir um incidente para a SAP no componente SLL-NFE com prioridade média porque essa solução só será liberada sob demanda. Ressalto que esta é a última alternativa a ser considerar porque ela não inclui o escopo completo das mudanças. Sempre recomendo uma política de atualização mais frequente para o GRC pois o impacto do upgrade não é tão grande e traz mais benefícios do que implementar notas separadamente.


att,

Renan Correa

To report this post you need to login first.

Be the first to leave a comment

You must be Logged on to comment or reply to a post.

Leave a Reply