Skip to Content

FullSizeRender.jpg


Uma das grandes novidades da nova versão SAP Transportation Management (SAP TM) 9.3 anunciada logo após o SAPPHIRE 2015 é o cenário de empresa logística em um grupo empresarial.

Neste cenário você pode consolidar as necessidades de transporte de todas as empresas do grupo em uma empresa de logística central. Este cenário suporta também o cenário em que a empresa responsável pela logística também executa outras atividades como por exemplo produção de produtos e que precisa também transportar os seus produtos para clientes.

A versão do SAP TM 9.3 está disponível apenas em ramp-up e para implementar é necessário se candidatar ou então aguardar a liberação para o mercado, o que deve ocorrer no final do ano.

Os motivos que levam um grupo empresarial a ter uma empresa dedicada a logística são:

Os custos de transporte mais baixos

Uma única empresa de logística dedicada pode obter taxas/custos mais baixos  de transporte de um operador logístico ou agente de carga.

Consolidação de carga

Com uma empresa de logística dedicada, essa pode total visibilidade das demandas de transporte e assim consolidar e otimizar roteiros de entrega/coleta otimizando recursos internos e reduzindo os custos.

Processo de logística padronizados

A operação logística centralizada promove a padronização dos processos logísticos desde o planejamento, execução, rastreabilidade até a entrega no destino final. Desta forma as empresas de manufatura do grupo podem se concentrar totalmente na fabricação. Neste caso não existe duplicação de atividades o que aconteceria caso cada empresa de manufatura fosse planejar e executar o seu transporte.

A figura abaixo mostra um exemplo de um fluxo do processo de uma empresa de manufatura que centraliza a operação logística em um grupo empresarial. A explicação segue após o gráfico.

Untitled.png

fonte: SAP

Exemplo com subcontratação de um transportador.

Company_1000 é uma unidade de manufatura e que também é responsável pelos processos logísticos. Neste exemplo ela subcontrata um operador logístico, agente de carga ou mesmo um transportador.

  1. A Company_1000 recebe as solicitações de transporte das empresas do grupo como necessidades de transporte baseados em ordem (OBTR) ou necessidades de transporte com base na remessa (DBTR) no SAP TM.
  2. A Company_1000 usa o OBTR ou DBTR para criar uma ordem de transporte de mercadorias ou de agendamento de carga e compra serviços de transporte de um operador logístico, agente de carga ou mesmo um transportador.
  3. A Company_1000 pode distribuir os custos em suas ordem de transporte de mercadorias ou de agendamento de carga para estabelecer qual é sua própria quota dos custos de frete. Cria também um documento de liquidação interna de frete para distribuir os custos referente a quota das demais empresas do grupo.
  4. A Company_1000 cria uma ordem de compra de serviços e uma folha de registro de serviço (SES) no ERP para o documento de liquidação interna de frete.
  5. A Company_1000 cria um Agency Business Document para transferir a sua própria parte dos custos.
  6. O Operador Logístico (não mostrado no gráfico) emite para fatura de frete para Company_1000. A Company_1000 paga o operador logístico, agente de carga ou transportador o montante total dos custos de transporte.

Distribuição de Custos

Com a empresa de logística do grupo, você tem a opção de distribuir os custos nos seguintes documentos:

  • Ordem de frete – Você pode distribuir os custos na ordem de frete no nível do item das necessidade de transporte do ERP pelas seguintes razões comerciais:
    • Você quer usar o custo distribuído como base para a criação de documentos de liquidação interna.
    • Você quer distribuir os seus próprios custos de transporte e os custos de transporte das empresas do grupo.
  • Documento de liquidação de frete – Como uma empresa de logística do grupo, você pode distribuir os custos no documento de liquidação de frete pelas seguintes razões comerciais:
    • Transportar a sua carga própria, juntamente com a carga das outras empresas do grupo.
    • Pagar ao operador logístico, agente de carga ou transportador externo todos os custos de transporte.
  • Documento de liquidação Interno
    • Você pode distribuir os custos de transporte em um documento de liquidação interno para que as empresas embarcadoras do grupo possam distribuir o custo de transporte para suas demandas no ERP.

Cobrança de frete

Ainda não foi entregue nesta versão a tratativa para geração da fatura de frete para cobrar clientes externos.

Em breve… mais informações sobre novas funcionalidades.

Abraço

Eduardo Chagas

To report this post you need to login first.

Be the first to leave a comment

You must be Logged on to comment or reply to a post.

Leave a Reply