Senhores vamos falar um pouco sobre Definição de Processo.

O primeiro conceito fundamental no tratamento dos processos de negócio é o próprio processo em si, que se apresenta como a figura central nas diferentes propostas apresentadas, ou seja, é preciso primeiramente ter-se bem claro qual é o conceito de processo, para depois seguir adiante com este assunto.

Nos últimos anos, tem-se ouvido falar muito sobre processos de negócio e que deve se concentrar neles quando se busca resolver os problemas das empresas.

Da mesma forma, surgiram várias definições e conceitos para o termo “processos” que, via de regra, se enquadram em uma das seguintes definições:

Para o Cliente  A , o processo é “um fluxo de materiais no tempo e no espaço, é a transformação da matéria-prima em componente semi-acabado e daí em produto acabado”. Este conceito de processo é normalmente associado às técnicas orientais de melhoria destes mesmos processos.

Para o Cliente B, qualquer atividade que recebe uma entrada (input), agrega-lhe valor e gera uma saída (output) para um cliente interno ou externo.

Os processos fazem uso dos recursos da organização para gerar resultados concretos.

Para alguns Gerentes o processo é simplesmente um conjunto de atividades estruturadas e medidas, destinadas a resultar um produto específico para um determinado cliente ou mercado.

É uma ordenação especificada para um determinado cliente ou mercado. É uma ordenação específica das atividades de trabalho, no tempo e no espaço, com um começo e um fim, e inputs e outputs claramente definidos, ou seja, uma estrutura para a ação.

Eu gosto de dizer que  processo como uma série de atividades e tarefas lógicas e seqüencialmente inter-relacionadas, organizadas com a finalidade de produzir resultados específicos para realização de uma meta, caracterizando-se por entradas mensuráveis, valor agregado e saídas mensuráveis, tendo um objetivo, produz um efeito específico que será denominado produto do processo aonde temos um produto e um cliente, definindo processo como uma série sistemática de ações dirigidas às realizações de uma meta.

Grande parte das empresas de negócios não está “orientada para os processos”; eles estão voltados para tarefas, serviços, pessoas ou estruturas, mas não para processos este e o ponto aonde devemos observar em uma implementação SAP.

Define-se um processo empresarial como um conjunto de atividades com uma ou mais espécies de entrada e que cria uma saída de valor para o cliente. Quando se analisa um atendimento de pedidos, tem-se como entrada uma compra, resultando na entrega dos produtos solicitados. Em outras palavras, a entrega dos produtos às mãos do cliente é o valor criado pelo processo.

A adoção de uma abordagem de processo significa a adoção do ponto de vista do cliente. Os processos são a estrutura pela qual uma organização faz o necessário para produzir valor para os seus clientes.

Em conseqüência, uma importante medida de um processo é a satisfação do cliente com o produto desse processo. Como são os árbitros finais do desempenho do processo, os clientes devem estar representados em todas as fases de um programa para administração por processos. (Fase 1 ASAP)

Foram eliminadas tarefas desnecessárias, as tarefas foram combinadas e reorganizadas, as informações foram compartilhadas entre os indivíduos envolvidos em processos e assim por diante. Como resultado, obtiveram se  grandes melhorias em termos de velocidade, precisão, flexibilidade, qualidade e custo que acabaram se refletindo nos processos de uma implementação.

Embora os conceitos de “processos” não sejam muito complexos, a tarefa de identificá-los e delimitá-los em uma empresa, não se configura como uma das tarefas mais fáceis. Diversas empresas buscaram definir regras para a definição de processo no meio de projetos de implementação;

Este problema se torna especialmente evidente quando pensado em como se pode “redesenhar” ou melhorar processos que nem ao menos se têm muito claramente definidos e delimitados o que queremos.

Por isso, o uso de uma metodologia focada nos processos empresariais pode ser a chave da melhoria contínua na organização. Eu costumo dizer que concentrar os esforços nos processos é necessário uma mudança no padrão filosófico da empresa, abandonando uma cultura focalizada na estrutura da empresa e adotando uma cultura com ênfase no processo.

Best Regards

Gilberto Disessa Junior

To report this post you need to login first.

Be the first to leave a comment

You must be Logged on to comment or reply to a post.

Leave a Reply