O SAP Business One, possui excelentes recursos, mas para operações de remessas existiam alguns pontos cegos, como era o caso do tratamento de remessas sem cobrança comuns aqui no Brasil, onde há movimentos de estoque sem cobrança de valores contra o cliente, o caso vale por exemplo para remessas de demonstração, doações, brindes, conserto entre outras. O ponto chave era que algumas destas requisitavam a contabilização de impostos e os processos de negócio eram realizados de diferentes formas no sistema.

 

Esta situação poderia ser tratada de várias formas, já vi tratarem as remessas emitindo somente documentos como Vendas\Entrega, Vendas\Devolução, Compras\Recebimento, Compras\Devolução e realizando as contabilizações de impostos de forma manual. Já vi em outras instalações a utilização de Nota Fiscal de Saída por exemplo com a opção “Só imposto” ativada, servindo de solução de contorno. Em todos os casos a solução é sempre de contorno e até então não havia uma funcionalidade que resolvesse definitivamente o problema.

 

Através de um esforço da equipe SAP Brasil, foi anunciado a implementação de um novo recurso, conhecido inicialmente por “Free of charge”. Este recurso estaria disponível ainda na 9.0 mas não foi possível e agora na 9.1 foi oficialmente implantado. Esta funcionalidade faz parte do pacote de funcionalidades para aderência do Core do SAP a regras locais e aproximação com atendimento de regras legais e SPEDs no Brasil.

 

A nota: “2079020 – BR – Free of charge functionality” implementa o recurso e trás algumas modificações no “Só imposto” estas mudanças esterei descrevendo em outro documento: SAP Business One 9.1 – Modificações no funcionamento do “Só imposto” – Entendendo as mudanças, isto tudo está disponível a partir da PL02 do SAP Business One 9.1.

 

Com a implementação deste recurso é possível usar um “cluster” completo de documentos, atendendo com maior aderência os processos empresarias.

 

Um exemplo de “cluster” é o conjunto de documentos “Pedido de Venda” -> “Entrega” -> “Nota Fiscal de Saída”

 

Onde o “Pedido de Venda” pode ser usado pelo depto. comercial como solicitação da remessa, a “Entrega” usada pela equipe de logística para processar a separação da mercadoria e a “Nota Fiscal de Saída” ser usada pelo setor “Fiscal/Faturamento” para emissão do documento fiscal, ficando centralizada toda emissão de documentos e padronizando o conjunto de processos empresariais definidos no sistema para emitir sempre as “NF-e”s no documento de marketing “Nota Fiscal de Saída”.

 

Mas enfim, a questão já é conhecida.

 

Agora fica o registro do funcionamento dos novos recursos.

 

Para explicar as funcionalidades estarei usando apenas a Nota Fiscal de Saída, comparando algumas situações, entre o funcionamento na 9.0 e anteriores com o novo funcionamento na 9.1.

 

“FREE OF CHARGE / GRATUITO (PARCEIRO DE NEGÓCIOS)”

 

As novidades:

 

Nos documentos de marketing foram inseridas entre outras, duas novas e importantes colunas (vide print a seguir):

1. Coluna “Sem lançamento de quantidade”: esta coluna não é editável, ou seja o usuário não pode modificar o valor para este campo, sendo usado de forma automática pelo SAP Business One. Onde ao marcar o “flag”/ativar a coluna “Só Imposto” o sistema irá marcar/ativar automaticamente a coluna “Sem lançamento de estoque”. O resultado da ativação da coluna “Sem lançamento de estoque” é que não haverá baixa em quantidades no estoque, assim como não haverá contabilização à crédito na conta de estoque e tão pouco não haverá débito nas contas de custos.

2. Coluna “Gratuito (Parceiro de Negócios)” que veremos seu funcionamento.

DocMkt_NovosCampos.png

 

Para o funcionamento desta funcionalidade algumas configurações são necessárias:

 

1. Na “Determinação de Conta Contábil”, na aba “Estoque” (seta 1), foram criadas duas novas lacunas (seta 2):

a) Conta de venda gratuita

b) Conta de compra gratuita

 

IMPORTANTE: Caso sejam informados em “Conta de venda gratuita” a mesma conta contábil que será determinada para “Receita” no caso de venda, o SAP Business One verifica se haverá diferença entre débito e crédito e contabiliza somente a diferença, caso não haja diferença entre o valor que seria contabilizado a crédito na “Receita” e o valor que seria contabilizado a débito na “Conta de venda gratuita” NENHUMA contabilização para estas contas será realizada.

 

DeterminaçãoContabil.png

 

O uso destas contas está relacionado a contabilização da contrapartida da “receita” no caso de vendas ou contrapartida da “despesa” no caso de operações de compras, para esclarecer:

-> Normalmente quando uma venda é realizada, ocorre a contabilização a débito na conta contabil do ativo para “Contas a receber” e sua contrapartida a crédito em “Receita”.

ContabVenda-Normal.png

Caso a “flag” ou “checkbox” chamada “Gratuito (parceiro de negócios)” localizada nas linhas (conteúdo) esteja ativada no documento de venda “Nota fiscal de saída” o SAP Business One realiza a contabilização a débito na “Conta de venda gratuita” (neste caso, esta conta pode ser uma “Redução da receita”, “Despesa” ou “Custo” ficando a critério do contador a escolha) que tem como sua contrapartida a crédito na conta de “Receita”, ou seja, não contabilizando “Contas a receber nacionais”:

ContabVenda-Gratuita.png

-> Em uma operação de compra o equivalente será realizado com a configuração determinada para “Contas a pagar nacionais” vs. “Conta de compra gratuita”.

 

Estas lacunas também podem ser preenchidas e determinadas através da determinação de conta contábil avançada (vide print a seguir). Caso você tenha alguma dúvida sobre a funcionalidade de determinação avançada de conta contábil, recomendo a leitura de http://scn.sap.com/community/portuguese/business-one/blog/2013/09/15/sap-business-one-90–entendendo-as-prioridades-para… e SAP Business One 9.0 – Contabilização Avançada – Combinação de regras para determinação de conta contábil.

DetAvancada.png

 

2. Configuração de “Gratuito (parceiro de negócios)” através da “Utilização”:

Para facilitar a operação do sistema com esta configuração no cadastro da “Utilização” é possível que o SAP Business One ative automaticamente o “checkbox – Gratuito (parceiro de negócios)” quando a respectiva utilização for informada nas linhas, sendo esta opção similar a configuração que já existia relacionado ao “Só imposto”.

Utilização.png

 

Funcionamento na prática:

 

Fazendo um lançamento normal:

TesteNFSaidaNormal.png

 

Para realizar os demais testes, criei 4 (quatro) regras avançadas de determinações de contabilização:

 

TesteDetContab.png

 

 

– Na linha 1 em operações com o produto “A00001” a contabilização da “Receita” e da “Venda gratuita” sejam registradas na mesma conta, desta forma não havendo diferenças não haverão contabilizações nestas contas.

TesteDetContab-A00001.png

Realizando uma “Nota Fiscal de Saída” com a opção “Gratuito (parceiro de negócios)” ativada, para o item A00001 usando a mesma conta em “Receita” e “Gratuito”:

TesteNF-A00001.png

– Na linha 2, nas operações com o produto “A00002” sejam registradas contas diferentes uma para a “Receita” e a outra como uma “redutora da receita” que por sua vez recebe um débito na contabilização resultante.

TesteDetContab-A00002.png

Realizando uma “Nota Fiscal de Saída” com a opção “Gratuito (parceiro de negócios)” ativada, para o item A00002 usando uma conta em “Receita” e em “Gratuito” um conta de “Redução de receitas”:

 

TesteNF-A00002.png

– Na linha 3, determinado que nas operações com o produto “A00003” que a contabilização à debito na “Conta de venda gratuita” ocorra em uma conta da gaveta “Despesa”

TesteDetContab-A00003.png

Realizando uma “Nota Fiscal de Saída” com a opção “Gratuito (parceiro de negócios)” ativada, para o item A00003 usando uma conta em “Receita” e em “Gratuito” um conta da gaveta “Despesas”:

 

TesteNF-A00003.png

– Na linha 4, a determinação de venda gratuita para o produto “A00004” faz um lançamento à débito em uma conta de custo (esta determinação pareceu algo ilógico, mas coloquei de qualquer forma) e para este caso não farei exemplos.

IMPORTANTE: Cabe destacar que as determinações das linhas 2, 3 e 4 no que tangem a funcionalidade do SAP Business One e o recurso de “Gratuito (parceiro de negócios) fazem a mesma coisa, que é um débito, a diferença esta nas contas informadas, uma como “redução da receita”, outra como “despesa” e a última como “custo”.

Permissões:

Em “Autorizações gerais” na árvore de “Vendas” foi criada uma nova permissão “Gratuito (PN)” esta permissão possui duas opções “Autorização total” ou “Sem autorização”, caso a opção escolhida seja “Sem autorização” o usuário não poderá “ativar” a flag “Gratuito (parceiro de negócios)” de forma manual, sendo obrigatório o uso desta funcionalidade somente através da seleção de uma “Utilização” que esteja configurada para “Free of charge”.

Autorizações.png

 

Espero ter colaborado no entendimento destas novas funcionalidades.

 

Att,

Rodrigo da Costa Feula
#SBOBR #B1BR

To report this post you need to login first.

16 Comments

You must be Logged on to comment or reply to a post.

  1. LUIZ AVANZI

    Parabéns pelo material 🙂

    Apenas complementando, além de adicionar o ‘Código da conta’ na ‘Conta de venda gratuita’ da tela ‘Determinação de conta contábil’, também tive que adicionar na aba Contabilidade da tela ‘Depósitos‘ para funcionar o processo que estava realizando.

    /wp-content/uploads/2015/09/001_793056.png

    (0) 
    1. Rodrigo da Costa Feula Post author

      Bom dia Luiz, no seu caso você deve estar utilizando a forma de determinação contábil simples (tradicional/antiga), correto? Onde as contas contábeis são determinadas por configurações de conta contábil localizadas no “Cadastro do Depósito” ou no “Grupo do Item” ou no “Cadastro do Grupo do Item” que é a forma de contabilização tradicional.

      Neste caso a configuração feita na tela de “Determinação de conta contábil” serve apenas para o sistema copiar a configuração para novos cadastros de “Grupo de itens”, “Depósito” e “Itens”.

      Você conhece a determinação avançada?

      Abraços,

      Rodrigo da Costa Feula

      (0) 
  2. Gustavo Henrique Martins Silva

    Olá Rodrigo, tudo bem?

    Estou trabalhando em uma base de dados que foi migrada da 9.1 PL7 para 9.1 PL8.

    Ao configuramos uma utilização com a opção “Gratuito” e usarmos a opção de utilizar a mesma conta contábil de “Receita” na conta de “Conta de venda Gratuito”, o SAP B1 não está consolidando o lançamento contábil, ou seja, ele está saindo débito e crédito na mesma conta de receita que foi configurada também como venda gratuito.

    Saberia me dizer se tem uma configuração para consolidar este lançamento?

    (0) 
    1. Rodrigo da Costa Feula Post author

      Boa tarde Gustavo, haveria alguma possibilidade de colocar os prints:

      1. Nota fiscal de saída, com a exibição da utilização e a marcação do checkbox “Gratuíto” ativa no conteúdo.

      2. O LCM desta nota.

      3. A determinação contábil feita para o caso.

      Se desejar, podemos conversar. Os contatos estão no perfil: Rodrigo da Costa Feula

      Atenciosamente,

      Rodrigo da Costa Feula

      (0) 
      1. Gustavo Henrique Martins Silva

        Olá Rodrigo, boa tarde!

        Segue prints demonstrando a configuração na Determinação Contábil Avançada, a Nota Fiscal de Saída gerada com opção “Gratuito” e o resultado do LCM com o débito e crédito na mesma conta de receita que foi configurada na como Conta de Venda Gratuita.

        Desde já agradeço sua ajuda.

        Abraço

        Gustavo MartinsDeterminação Contábil.pngNota Fiscal Saída.pngLançamento Contábil Manual.png

        (0) 
        1. Rodrigo da Costa Feula Post author

          Olá Gustavo, acredito ter encontrado o motivo!!!

          Demorou um pouco pois as demandas estão grandes e a resposta está vindo então como um presente de Natal.

          Fiz testes em uma base multifilial convertida da 9.0 para 9.1 e o “erro” relatado não ocorreu.

          Não conformado com a situação criei uma base nova, também multifilial e mais uma vez não foi possível reproduzir.

          Então comecei a entrar em alguns detalhes…vamos vê-los!!!

          1º ative na Nota Fiscal de Saída e no LCM a exibição dos campos “Regras de distribuição” e “Projeto”.

          Com os campos ativados, realize a digitação de um novo documento, IMPORTANTE faça o cadastro de um novo PN preenchendo somente o nome dele e veja os resultados…deve ficar conforme o print abaixo.

          02NFSaidaSemProjeto.png

          2º agora, acesse o “Cadastro do PN” e vá na aba “Geral” (para o PN utilizado anteriormente no documento “teoricamente com problemas”) verifique o campo “Projeto PN”…como ele está?

          Acredito que a resposta seja “-Campo já preenchido” acertei? (vide prox. print).

          01CadPN.png

          Vamos ver como fica a NF de Saída e LCM, quando o PN possui projeto informado!

          03NFSaídaComProjetoPN.png

          Conforme observado no print acima, no nível das linhas não estão preenchidos os campos “Regra de distribuição” ou “Projeto”, como o “Projeto” foi preenchido na 4ª linha do LCM???

          A resposta está no campo “Projeto PN” informado no “Cadastro do PN”, quando este campo está preenchido ele é automaticamente copiado/alimentado no campo de mesmo nome na aba “Contabilidade” do documento de marketing.

          04NFSaídaAbaContabilidade.png

          Agora fica a pergunta que não quer calar…

          Como fazer para anular as partidas no LCM da “Receita” e da “Venda Gratuíta” quando o cliente possui “Projeto PN” informado em seu cadastro ou lançado na aba “Contabilidade” do documento de marketing???

          Resposta: Informar o “mesmo” projeto nas linhas do documento!!!

          Vamos ver como fica no próximo print…

          05NFSaídaProjetoLinhas.png

          E aí Gustavo acredito que está desvendado o caso, ser for isto não é um “Erro” mas um comportamento do SAP Business One.

          Aguardo seu feedback.

          Abraços,

          Rodrigo da Costa Feula

          (0) 
          1. Gustavo Henrique Martins Silva

            Olá Rodrigo, bom dia!

            Ótimo presente de Natal, era exatamente isto que estava ocorrendo.

            Nosso parceiro utiliza o campo “Projeto” no cadastro do PN. Fiz algumas simulações conforme você orientou e assim o LCM agrupou e não apresentou o lançamento de Débito e Crédito em contas iguais.

            Muito obrigado mesmo pelo esforço em ajudar!!

            Um abraço!

            Gustavo Martins

            (0) 
    1. Rodrigo da Costa Feula Post author

      Boa tarde Ailton.

      Como está o cadastro do “Item” utilizado neste compra, está marcado como “item de estoque”?

      Como está o cadastro do “depósito” utilizado para a operação?

      Caso o item não esteja marcado como estocável ou o depósito esteja marcado como de “Envio direto”, a contabilização será feita como uma despesa e não como estoque.

      Se possível, compartilhe alguns prints.

      Abraço,

      Rodrigo da Costa Feula.

      (0) 
  3. Caio Rogério

    Parabéns pelo material.

    Na empresa onde trabalho emitimos nota de Saída (Remessa) onde não gera nenhum tipo de contabilização contábil, pois como copiamos a nota a partir de uma entrega já houve a contabilização do estoque na entrega. Minha dúvida é a seguinte: Realizei a parametrização para que a contabilização da “Receita” e da “Venda gratuita” sejam registradas na mesma conta, porém ao adicionar a Nota ocorre um erro (transaction) que não pode existir lançamentos nulos. Acredito que seja algo do próprio core do SAP 9.1. Existe alguma outra forma de realizar essa parametrização?

    (1) 
    1. Rodrigo da Costa Feula Post author

      Olá Caio, desculpe a demora em dar uma resposta.

      Já havia apurado que no processo de “Gratuito”, quando é feita a “Entrega” com cópia para “Nota Fiscal de Saída”, caso não haja nenhum imposto a ser contabilizado na transação, dá uma mensagem de erro ao tentar adicionar a “Nota Fiscal de Saída”.

      O erro que apurei no processo está no print abaixo:

      Img01.png

      Para entender o motivo do erro, temos que pensar como o SBO funciona.

      Pois bem…

      A “Entrega” contabiliza:

      Crédito -> No estoque

      Débito -> Na conta de CPV

      E em uma “NF de Saída” NÃO “Gratuita”, vinda de cópia da “Entrega”, como uma venda por exemplo que teriam impostos ocorreriam as seguintes contabilizações:

      Débito -> PN

      Crédito -> Receita

      Débito -> Impostos redutores da receita

      Crédito -> Impostos a pagar (passivo).

      Porém, se o processo for a cópia da “Entrega” para a “NF de Saída” de um processo com “Gratuito”, não ocorre a contabilização de PN e Receita, sendo assim se houvessem impostos no documento, ainda assim ocorreria a seguinte contabilização:

      Débito -> Impostos redutores da receita

      Crédito -> Impostos a pagar (passivo).

      Agora no caso de o processo for a cópia da “Entrega” para a “NF de Saída”, em um processo com “Gratuito”, mas com ZERO de impostos, então não haverá nenhuma contabilização para ser realizada, então aqui está o problema, o SAP Business One não foi desenvolvido para aceitar a adição de “NF de Saída” sem lançamento contábil.

      Agora que está entendido o caso, será importante ver como resolver…pois bem…a solução não será encontrada na versão 9.1, então para isto você terá que atualizar o seu SBO para a versão 9.2 (porém esta versão ainda não está liberada de forma irrestrita, comentário válido em 17/02/2016, ela está disponível somente para clientes que aderiram ao programa “Early adopter”), neste caso é possível que tenhas que esperar um pouco.

      Depois de atualizado para a 9.2, será necessário adotar um novo processo de contabilização chamado “Conta de mercadorias enviadas”, escrevi um documento sobre o caso: SAP Business One 9.2 – Conta de mercadorias enviadas (Transitória para faturamento) e particularmente achei muito inteligente esta nova funcionalidade, sugiro ler o documento.

      Mas enfim, o que irá ocorrer?

      Caso venha a utilizar a contabilização com a “Conta de mercadorias enviadas” que eu particularmente apelidei de “Transitório para faturamento”, ocorreram as seguintes contabilizações:

      Na “Entrega”, mesmo em um processo com “Gratuito” e com “Zero” de impostos, será feita a seguinte contabilização:

      Crédito -> Na conta de estoque (este lançamento reduz o estoque)

      Débito -> Na “Conta de mercadorias enviadas” (neste caso, com a prudência e verificação junto ao seu contador, deveria criar uma conta no mesmo nível do estoque, assim até que a entrega seja copiada para a NF de Saída, ainda haverá um $$$ em estoque, porém em uma conta a parte).

      Depois quando for feita a cópia da “Entrega” para a “NF de Saída” será feita a seguinte contabilização:

      Crédito -> Na “Conta de mercadorias enviadas” (desta forma o estoque será de fato zerado)

      Débito -> Na conta de CPV (ou seja, o lançamento na conta de CPV deixa de acontecer no documento “Entrega” e passa a ocorrer na “NF de Saída”, os motivos está no documento mencionado, recomendo a leitura).

      Img02.png

      Então seguindo esta lógica, será possível fazer a “Entrega” com cópia para “NF de Saída”.

      Espero que tenha lhe ajudado.

      Se desejar trocar uma ideia (válido para todos) meus contatos estão no perfil: Rodrigo da Costa Feula

      Att,

      Rodrigo da Costa Feula

      (0) 

Leave a Reply