Skip to Content

TDF – Validação Online – Ex. Mestre de Materiais

Ola pessoal!

No blog Validação Online com TDF comentei que através do BRF+ e do DSM – Decision Service Management é possível aumentar a eficiência na validação de dados no momento da criação/atualização destes no SAP.


Busca-se com isso criar os documentos fiscais corretos da primeira vez e assim não somente eliminar o trabalho de análise e correção que consume a equipe fiscal a cada fechamento de mês mas eliminar e/ou reduzir o risco fiscal!

Abaixo um breve exemplo de como implementar a validação online para mestres de materiais utilizando o BRF+. Neste caso iremos validar a informação da origem do material com o campo produção interna.

1. Primeira coisa a ser feita é criar uma aplicação no BRF+. Você pode criar uma aplicação por empresa, área ou conforme queira. É uma forma de você organizar as suas funções.

Screen Shot 2014-12-27 at 6.25.41 PM.png

2. Uma vez criado a aplicação você deverá então criar uma função. Neste caso foi criado a função FUNC_VALIDA_MAT. A função deverá ser chamada através da BADI_MATERIAL_CHECK, método CHECK_DATA. É na função onde você irá definir as suas regras de negócio.

Screen Shot 2014-12-27 at 6.25.57 PM.png

3. Uma vez criada a função você precisa definir os elementos que serão usados nas suas regras de validação. Neste exemplo foram adicionadas as estruturas do mestre de materiais: MARA, MARC, MARD e MBEW. Desta forma, quando sua função for chamada na BAdI essas estruturas serão preenchidas com os dados do registro a ser criado ou alterado.

Screen Shot 2014-12-27 at 6.26.13 PM.png

4. Neste exemplo a ideia é retornar uma mensagem para o usuário quando ele estiver entrando com informações inconsistentes. Logo uma vez processada a regra você irá retornar um texto e um tipo de mensagem.

Screen Shot 2014-12-27 at 6.26.25 PM.png

5. Dentro de uma função você pode processar diversas regras. Conforme já comentei neste exemplo a intenção é validar a origem do material com o campo produção interna.

Screen Shot 2014-12-27 at 6.27.05 PM.png

6. Uma vez criado o conjunto de regras você precisa definir a regra em si. No caso abaixo, serão processado os valores vindos do ERP com uma tabela de decisão.

Screen Shot 2014-12-27 at 6.27.24 PM.png

7. A tabela de decisão compara então os campos MTORG (origem do material) e o campo OWNPR (produção interna). No caso abaixo se o usuário marcar o campo produção interna e definir a origem como nacional então não irá retornar erro. Já se definir origem como 1 (estrangeira) irá retornar a mensagem de erro “Origem inválida”.

Screen Shot 2014-12-27 at 6.27.46 PM.png

8. Depois de definir a regra de validação e ativar os objetos no BRF+ é necessário colocar a chamada para a função na BAdI mencionada antes.

Espero que tenha ajudado! Não coloquei aqui o passo a passo como o Eduardo Chagas fez mas no documento sobre determinação do IVA de MM… mas acho que dá pra ter uma ideia dos passos.

Abraços.

Karen Rodrigues

3 Comments
You must be Logged on to comment or reply to a post.